quarta-feira, 14 de junho de 2017

Sobre os princípios do Tai-Chi-Chuan


-->

Taichi é uma arte martial chinesa baseada em princípios taoístas. Pode impedir a doença e prolongar a vida. Reforça os ossos e os músculos e regula a pressão de sangue. É um meio promover a saúde.


Há três aspectos a se considerar ao estudar o Taichichuan:
O primeiro aspecto é a forma (Taijiquan)


A forma exercita o corpo e reforça a constituição. Os movimentos do formulário devem expandir naturalmente através das juntas sem força e em uma maneira calma. Devem também ser corretos e precisos. O espírito deve ser relaxado e natural, sem forçar-se, deve estar naturalmente sossegado. Respirar deve ser calmo e regular. Não deve, porém ser conscientemente controlado, mas preferivelmente ser deixado livre e desimpedido, "completamente natural". 

Somente com postura correta do corpo os movimentos e a respiração podem estar em na harmonia. Durante cada movimento o coccyx, a parte traseira, o pescoço e a cabeça têm que estar em uma linha reta, a linha que não pode ser dobrada nem para os lados nem para frente nem para trás.

Os movimentos das formas devem ser vivos e fluidos. Devem ser ligados juntos sem rupturas se se mover para frente, para trás, ou girar. O indivíduo tem como obrigação aprender primeiramente os 5 métodos básicos de pisar (pingxingbu, xubu, gongbu, mabu, dingzibu). Ao girar, a mão move-se primeiramente, então cintura, quadris, pés. Ao executar as formas, as costas devem estar ligeiramente arredondadas com ombros e os cotovelos relaxados, apontando para baixo e a caixa torácica levemente comprimida para dentro. Somente quando praticada desta maneira pode o chi fluir ao dantian. Os olhos devem estar voltados para a frente (ao redor de 15 metros) olhar dirigido retos ou nas mãos. Somente com o direcionamento dos olhos o centro será mantido. Se não o praticante facilmente perderá seu equilíbrio.

Após longa prática a pessoa pode atingir um alto grau de concentração. Para isso, é importante enquanto pratica a forma deve-se manter a mente livre de pensamentos. Se o praticante pensar em como se deve executar o movimento ou a sua aplicação, a sua concentração será pobre, levando a desarmonia e a quebras na forma. Eu tenho sentido através de minha própria experiência que todos esses pontos são importantes.

O segundo aspecto é “pushhands” (Tuishou)

O “pushhand” refere-se as aplicações da forma. Ele segue o estilo de quietude, tranquilidade e silêncio, usando alterações sutis entre o vazio e o cheio para as suas aplicações. Ele se atém tanto com a psicologia quanto com a mecênica. No pushhand os movimentos devem ser leves e fluidos.
O espírito deve estar relaxado e a postura correta, sendo ereta e sempre centrada, não importando em que posição. Apenas com um centro estável, é possível expandir e contrair e avançar e recuar corretamente. Quando se começa a aprender pushhands deve-se aprender a neutralizar. Nunca deve-se deve-se deixar a intenção do ataque penetrar em sua mente.
Características no pushhands:

1. Dominar a dureza e a suavidade (Yi Rou Ke Gang)

No Taichi não se deve usar a força contra a força ao opor-se ao movimento ofensivo. Esse é o único modo que o mais forte pode vencer o mais fraco e onde o mais rápido domina o mais lento. Tentar usar a força é contraditório aos princípios do Taichi. O mais importante ao aluno é aprender a neutralizar e evitar o conflito desnecessário.

2. Reunir a agressividade com a tranquilidade de espírito (Yi Jing Dai Dong).

Uma das principais estratégias do taichichuan é encontrar o seu oponente com tranqüilidade de espírito. Essa calma é essencial, por que sem ela, o efetivo tingjin (aprendizado) não é possível.
Sem o tingjin, suas ações não serão efetivas. Os clássicos dizem: ele não se move, eu não me movo, ele inicia o movimento, eu me movo com antecedência. Fazer isso é reunir a agresividade com a tranquiidade de espírito.

3. Derrotar o oponente com menos força, mas mais habilidade (Yi Xiao Sheng Da)

Um método a ser usado é neutralizar primeiro e então seguir e acompanhar o oponente até o seu movimento atingir um ponto “morto”. Devido a essa perda de centro de gravidade ele manifesta uma quebra de vigor e uma postura distorcida e então ele cairá mesmo a um leve toque.

4. Recolher a fim de avançar (Yi Tui Wei Jin)

Nos pushhands a característica de importância básica é adaptar e mover com as mudanças de condições de sua contrapartida. Os movimentos circulares no taichi são a imagem do símbolo do taichi, que está se desenvolvendo, contendo as variações de movimento e aderência edentro de um círculo.

5. Os movimentos circulares (Dong Zuo Zou Hu Xian)

Os padrões de alternância entre o yin e o yang são baseados nos movimentos circulares e conectados pela adesão às intenções do co-participante. Porque não há interrupção num movimento circular é mais fácil atingir o outro participante do que se estivesse num movimento reto de avanço e recuo. Um outro benefício é que é mais fácil mudar sua força de ação ou direção em qualquer ponto da linha circular.
Apenas através de longa e substancial prática estes princípios podem ser sentidos e trazidos à vida.
Devido ao fato de que os pushhands podem ser aplicados para propósitos marciais, a atitude do aluno de taichi deve ser concentrado e pacífico.

O terceiro aspecto é a teoria (Lilun)

Todos os que estudam o Taichi devem também consderar sua teoria. A teoria do taichi é um método para guiar-nos na nossa prática. Apenas quando o método é correto, pode-se estudar o taichi apropriadamente. Todos os tipos de temas acadêmicos têm uma teoria. Por exemplo, quando se estuda Medicina, deve-se estudar Fisiologia, Psicoloia, Patologia, Farmacologia, etc. Portanto, nós que estudamos o taichi devemos também considerar os textos clássicos, os registros, a teoria e as músicas e poemas do taichi. Porque essas diferentes teorias têm todas sido passadas até nós através de experiências acumuladas por gerações de autores, nós devemos não apenas pesquisar, mais também absorver seus significados.
Ao trazer as experiências de alguém a partir da prática, juntamente com o estudo das teorias de textos antigos, pode-se aperfeiçoar o seu taichi mais rapidamente. Ao trazer juntos a forma externa e os sentimentos internos, podem-se experimentar as teorias através da forma e senti-las. Deve-se ir através dessas experiências para pôr o taichi em aplicação. Isto significa que se você apenas é capaz de fazer taichi, mas não tem entendido bem a teoria, isso será apenas um exercício, por outro lado, se você apenas conhece a teoria, mas não pratica o taichi estará apenas se ostentando. Os dois tipos de pessoas não estão praticando o bom taichi. Você tem de combinar teoria e prática.
----------------------------------------------------------------------------------------------------------
Não utilize força bruta

Por Ma Yueliang, do Journal of the Shanghai Jian Quan Taijiquan Association
Traduzido por Benjamin e Dr. Kasenda - Traduzido para o português por Ronaldo Pedreira Silva.
Tenho um estudante, que tomou parte num total de 7 competições pushhands. Ele venceu todos eles. Devido a sua capacidade em Wu - estilo pushhands , ele não necessita de usar brutal força.
Wu Quanyou aprendeu como aluno de Yang Luchan o estilo Yang - Taijiquan. Seu filho, Wu Jianquan, desenvolveu seu próprio de Taijiquan - o estilo Wu Taijiquan – usando o estilo Yang como fundação. O pushhands do estilo Wu é diferente do pushhands de outros estilos. São desenvolvidos com base nos oito movimentos básicos de mão, treze procedimentos básicos de rotação. Há uns procedimentos da rotação para a parte superior do corpo como o chantoushi (enrolamento ao alto da cabeça) e o guotoushi (que ligam sobre o alto da cabeça), a parte média do corpo como o zhongpingzhou (ellbow liso médio) e o lizhou (ellbow ereto) e para as partes mais inferiores do corpo como o shizishou (mãos transversais) e louxishi (joelho da escova). Além desses, há três procedimentos para curta distância e quatro procedimentos longos. Ao lado deste, há os dois métodos introduzindo kaisimen (abra as quatro portas) e huanshoufa (mão da mudança). Com a habilidade destas técnicas você pode neutralizar ataques em todos os níveis de seu corpo, sem usar demasiada força. 

Em competições de pushhands as regras proibem o apreender de mãos ou armas. Quem tiver dominado estes treze métodos será também capaz de obter um aprendizado relaxado. A idéia é seguir a força do oponente e usá-la no momento certo contra eles. Isto é como você se perde do aperto de seu oponente. Este é o princípio de "pedir emprestada a força” para usá-la de encontro a ela própria. Mesmo se o oponente tiver uma grande força você não deve trabalhar de encontro a ele, mas ao invés disso você deve usar o princípio acima mencionado, seguindo a força e golpeando para trás no momento certo. Esta é a arte de pushhands de Taijiquan. 

Em minha opinião, para desenvolver pushhands, estas técnicas são fundamentais. A respeito das competições, eu sugeriria que antes da competição cada participante se submetesse a um teste prático para ver se pude usar técnicas de pushhands. Se este não for o caso, não devem ser permitidos competir, se não há o perigo da competição que torna-se "tourada". Mesmo com este teste há o perigo disto acontecer. É fundamental, que você siga os métodos e as técnicas tradicionais para aprender pushhands. Com a prática você pode usá-los dentro de um largo espectro. Isto é como é possível começar resultados bons no desenvolvimento dos pushhands.

Um de meus estudantes é um ferreiro. Em conseqüência de seu trabalho que é muito forte e embora aprendendo pushhands muito pequenos, ele ganhou uma competição. Ainda assim ele é capaz de demonstrar a forma de Taijiquan. Isto mostra que ele não tem muita habilidade e que ganhou somente pela força. Pushhands sem forma não funciona e oposto do mesmo modo, a forma sem pushhands não tem nenhum uso prático, por isso você deve combina-los.